19 de dez de 2012

Partir


Saudade daquele coração
Do olhar ptérico, em espectro.

Os devaneios, escritos
Perdidos em antigo vento 
E a ânsia em partir.

Temem os dedos pálidos
A memória falida
Em beijos senis

A vida
Um afago demérito
Desencarte, e...