29 de jan de 2004

Caramba... Eu escrevi um monte de coisas, e de repente... puf! Meu pc desliga sozinho. E a besta que vos escreve nem salvou o texto, nem um pedacinho! Que droga... Agora estou tentando localizar o texto no computador, para ver se esta maldita máquina salvou, ou fez um "backup" do texto, é uma esperança... Meio remota, pois acho que este tipo de coisa só ocorre em Word e eu estava escrevendo no bloco de notas. Aiii que raiva!!!

É que nem naquele ditado: "Se o seu windows não der problema, reclame com a Microsoft! Mas se deu, que se dane! Quem mandou instalar o Ruindows?!?" E sabe qual é a diferença entre vírus e Windows: Vírus funciona! Abençoados sejam os pessimistas, pois eles fizeram backups... Droga ¬¬'

Eu estava escrevendo sobre pensamentos e sentimentos que guardo... bom, lembro do começo, vamos lá: Às vezes me sinto sozinha. Mas é um vazio individual, onde você tenta ser compreendido, mas não consegue. Parece que as pessoas estão presas dentro de si, tão egoístas e seguras com sua intelectualidade medíocre, e você se sente pequeno e percebe que seus sentimentos são efêmeros para elas. Sabe, eu me magoou com muita facilidade. Uma palavra agressiva, uma atitude impensada, ou uma não-palavra... Ser ignorada é o pior sentimento que existe. Não sei, mas sinto como se eu percebesse o mundo de forma diferente. Eu tento ser tão prestativa, cuidadosa... E não recebo este cuidado em troca. Acho que é por eu levar as coisas à sério demais. Para mim, ou eu luto por algo, ou abandono... Ou eu sinto, me decido, ou fico nesta luta interna pela eternidade enquanto eu não me resolver. É tão difícil você se compreender, quanto mais compreender os outros. Muito da minha irritação é por este desleixo... Mediocridade, sentimentos pequenos, indecisão... Isto realmente me irrita.

Bom, gostaram do meu novo layout? Se sim, obrigada, eu também A - D - O - R - E - I!! Se não gostou, sai daqui ô mané e fecha a janela! O_o ...Chega de florzinhas e rosinhas, fala sério! ¬¬'